terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Sobre acolhida e entrevista

De mãos dadas neste período tão importante...




6 comentários:

  1. Nós também da '041' acreditamos ser imprescindível a entrevista com os familiares; fazemos uma entrevista parecida com esta da matéria acima com nosso EI!

    Abraços

    Professora Lussandra

    ResponderExcluir
  2. Andrea Vieira Brandão8 de fevereiro de 2012 12:41

    Como é maravilhoso ver o trabalho destinado a Primeira Infancia ganhando cada vez mais excelência.
    Enxergar uma luz no fim do túnel nos ajuda a caminhar com mais clareza e segurança, rumo a construção do conhecimento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só conseguimos avançar pq trabalhamos com um super time de profissionais apaixonados pela EI.
      Abçs

      Excluir
  3. Quanto carinho ... Quanta atenção ...
    O material disponibilizado com todos os links e inúmeras sugestões para o Acolhimento , serve como: colo , carinho e atenção para o profissional que atua diretamente com a criança .
    A expectativa do profissional também é grande . Tudo que desejamos é amarmos e sermos amadas . Uma espécie de namoro , onde mostramos o nosso melhor e partimos para a conquista .
    O resultado tanto pode ser super favorável, do tipo amor à 1ª vista ,como pode demorar um pouquinho mais . Sendo assim ,quanto maior o acervo de dicas , maiores são as chances de um resultado positivo.
    Momento delicado de também nos reencontramos os nossos antigos e eternos amores( alunos do ano anterior ) que "enciumados" reclamam também nossa atenção .
    Não tem jeito , em "fevereiro tem Carnaval " , temos dias muito quentes que desgatam nossas baterias , logo no momento que necessitamos de mantê-las carregadas . O lado bom da história é que o profissional do EI , ao final do dia não encontra dificuldade alguma para adormecer ...


    Lendo uma das dicas sobre o registro da rotina escolar , em vídeo ou fotos , como forma de compartilhamento com os responsáveis ; lembrei-me de um longínquo ano de 1997 , onde atuei com crianças de 3 anos .
    Naquela época , o número de creches era inexpressivo e quase a totalidade dos alunos ,tinha sua 1ª experiência escolar no Jardim de Infância .
    A turma era "fofa" , de brinde recebi 2 crianças "ouvintes " de 2 anos e meio (camaradagem extra-oficial , com os filhos de colegas professoras ou profissionais da escola ).
    Dentro da turma ,tinha uma criança que chorou por um tempo pra lá de prolongado . E meus "truques infalíveis" não apresentavam êxito . Me sentia frustada , apesar de permanecer com a turma ,ela não falava e só intregia com choro .
    Foi então, que de uma forma inusitada , algo que não programei, acabou por reverter a situação . Eu havia chamado um profissional amigo ,para filmar o nosso cotidiano com intuito de compartilhar com os responsáveis na minha 2ª Reunião , em Março . O resultado final da filmagem ficou caprichado com efeitos e músicas . Uma novidade !! Era época do VHS ( as mais novas nem devem saber o que é isso ).
    No dia da reunião , as crianças ficavam aos cuidados de uma outra profª . A minha escola tinha o privilégio de contar com várias extra-classes ( Sala de Leitura , Música , Recreação e Ensino Religioso ) , fora Orientadora Educacional e Supervisora Escolar . Que maRRavilha !!! Mas a criança não quiz se afastar da mãe e acabou assistindo a reunião .
    Quando ela se viu no vídeo , percebeu seu comportamento durante a maior parte do tempo , o "milagre " aconteceu sem que fosse preciso nada falar . Tive o cuidado para não expô-la e os outros pais estavam tão encantados em ver as conquistas e descobertas de seus filhos, que também ajudaram -me e valorizaram ainda mais o trabalho da Escola .
    Nos dias seguintes ,a menina já não chorava mais e no finalzinho de Março começou a interagir com os colegas , num dia registrei o seguinte conversa :


    _Ih! Você fala ????????????
    _Parou de chorar !!!!!!! (com uma carinha que não consigo descrever com palavras ) . Foi muito engraçado ...


    Então, não se desespere !!!
    Esse momento cansativo , cheio de expectativas , sorrisos e lágrimas ; também passa ...
    A gente se esquece . Só relembrando com toda clareza no ano seguinte .
    Hoje com tantos recursos tecnológigos , onde se é possível utilizar filmagens até com celular , registre e compartilhe com as crianças esses momentos . Ótimas rodas de conversa começam assim , sucesso na certa !
    Que os brindes que cada um receba na turma ,possam acrescentar aprendizado , jogo de cintura e boas recordações .

    Márcia Luzia Paiva dos Anjos

    ResponderExcluir